Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Inauguração da sede da reitoria da UFSB será transmitida pela internet
Início do conteúdo da página

Inauguração da sede da reitoria da UFSB será transmitida pela internet

  • Escrito por Heleno Rocha Nazário
  • Publicado: Terça, 27 de Julho de 2021, 12h42
  • Última atualização em Terça, 27 de Julho de 2021, 16h03
  • Acessos: 787

fachada nova reitoria UFSB em Itabuna

O próximo dia 28 de julho marcará os 111 anos da emancipação política de Itabuna e também a inauguração da sede da Reitoria da Universidade Federal do Sul da Bahia, no prédio do antigo Fórum Ruy Barbosa, na Praça José Bastos, no centro da cidade. Para evitar aglomeração em função do novo coronavírus, a solenidade terá público presencial reduzido e transmissão via internet pelo Auditório Virtual da UFSB a partir das 10h30 da próxima quarta-feira. O perfil da UFSB no Instagram vai transmitir imagens a partir das 10h, interrompendo para a transmissão da solenidade.

Dentre as presenças confirmadas, estão autoridades municipais, estaduais e federais. A cerimônia será realizada na Sala dos Conselhos, que já está preparada para a transmissão on-line. A exibição de um vídeo institucional inédito e uma breve visita das autoridades aos setores da administração estão na programação.

Dentre as presenças confirmadas, estão autoridades municipais, estaduais e federais. A cerimônia será realizada na Sala dos Conselhos, que já está preparada para a transmissão on-line. Um vídeo institucional inédito e uma breve visita das autoridades aos setores da administração estão na programação.

Significados

A mudança para uma área própria e no centro de Itabuna deve estreitar ainda mais os laços institucionais com diferentes setores da comunidade itabunense e regional. Todos os setores da Reitoria e todas as sete pró-reitorias serão instalados no prédio, além da estrutura do Conselho Universitário e o centro de dados da instituição.

Para a reitora, professora Joana Angélica Guimarães da Luz, a transferência para o centro da cidade significa a consolidação da UFSB em Itabuna, favorecendo a integração ao cotidiano da comunidade. Ela lembra e agradece do começo das atividades no bairro de Ferradas, e avalia que a nova fase trará outras possibilidades de interação com o município e sua população.

Reforma com sustentabilidade e acessibilidade

O prédio do antigo Fórum Ruy Barbosa foi cedido à universidade em 05 de fevereiro de 2019, após negociação com o Tribunal de Justiça do Estado da Bahia. Em setembro daquele ano a universidade publicou licitação para reformar o edifício, prevendo serviços especializados de arquitetura, climatização, comunicação visual, rede elétrica, estrutura, rede hidráulica, prevenção de incêndios, paisagismo, escoamento pluvial, rede sanitária e telefonia. O investimento total somou R$4.934.810,29.

Conforme a diretora de Infraestrutura da universidade, Lívia Berti Sanjuan Farias, “o projeto de reforma da Reitoria foi elaborado buscando alcançar maior eficiência energética, melhor desempenho das fachadas de modo a reduzir o consumo energético da utilização de condicionadores de ar, bem como aproveitamento da iluminação natural, redução do consumo de água, através da instalação de aparelhos economizadores e reaproveitamento de água pluvial, além de paisagismo com plantas da Mata Atlântica”. O prédio é acessível às pessoas com deficiência, com sanitários adaptados, sinalização podotátil, em braile, elevador e plataforma elevatória. As medidas para redução do consumo de água estão instaladas nos banheiros femininos e masculinos. O edifício também teve a laje de cobertura impermeabilizada com manta aluminizada, a fim de reduzir a carga térmica. “As paredes internas são de dry wall, sistema construtivo que possibilita a modulação, a redução do tempo de obra, do consumo de materiais e do resíduo da construção”, conclui Lívia.

Com isso, a UFSB transferiu a estrutura administrativa da reitoria e pró-reitorias para o espaço próprio. Em Ferradas, permanecerão por enquanto a estrutura administrativa e parte da estrutura acadêmica do Campus Jorge Amado, que futuramente será transferida para o espaço definitivo na área cedida pela Ceplac. A previsão atualizada é de que a construção dos prédios próprios seja concluída em 2022.

registrado em:
Fim do conteúdo da página