Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Parcerias
Início do conteúdo da página

Parcerias

Publicado: Quinta, 03 de Maio de 2018, 15h56 | Última atualização em Terça, 29 de Setembro de 2020, 10h44 | Acessos: 2831

Parcerias da UFSB 

A UFSB celebrou parcerias para desenvolvimento de atividades de ensino, pesquisa e extensão com instituições de pesquisa, universidades e empresas privadas da região, os quais são apresentados a seguir (cópias dos acordos encontram-se no site principal da UFSB).

1) Parque Científico e Tecnológico do Sul da Bahia. A UFSB faz parte do grupo de instituições da região que criou o parque científico e tecnológico, no ano de 2017, participando ativamente de sua criação e seu desenvolvimento, inclusive no conselho de gestão. No âmbito do PPGEUA, serão desenvolvidas pesquisa, tecnologia, criação e inovação de forma mais direta em três (de quatro) áreas de atuação do parque relacionadas diretamente com as linhas de pesquisa do Programa: Biotecnologia e Alimentos, Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs), e Logística (site do Parque: https://pctsb.org/).

2) Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (CEPLAC) – Acordo de Cooperação Técnica com data de publicação 04/04/2018 e duração de 5 anos, com objetivo de execução e desenvolvimento de projetos de estudos, pesquisas, assistências técnicas, intercâmbio de profissionais, treinamento, formação e desenvolvimento de recursos humanos, envolvendo ações de interesse comum às partes, mediante duas capacidades e competências, que viabilizem o desenvolvimento regional.

3) Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), com data de publicação 24/02/2016 e vigência de 5 anos, este acordo objetiva estabelecer uma cooperação mútua e ampla entre UFSB e UESC, visando desenvolver em conjunto ações de mútuo interesse por meio de visitas e intercâmbio de professores, estudantes e técnicos-administrativos das referidas instituições objetivando a realização de atividades voltadas à pesquisa, ensino, extensão e gestão universitária, entre outros objetivos.

4) Instituto Federal Baiano (Campus Uruçuca/BA) – Acordo de Cooperação Técnica com data de publicação 04/12/2017, Acordo de Cooperação Técnica para desenvolvimento de projetos e programas de ensino, pesquisa e extensão nas áreas de química, alimentos e biotecnologia, e atividades práticas por meio da utilização da infraestrutura do Centro de Tecnologia de Alimentos, campus Uruçuca.

5) Instituto Biofábrica de Cacau – Acordo de Cooperação Técnica com data de publicação 26/09/2017, para desenvolvimento de pesquisas de docentes, pesquisadores e alunos de graduação e pós-graduação e proporcionar atividades didáticas a serem envolvidas nas áreas da agricultura e do meio ambiente, além da troca de outras informações de interesse das entidades convenentes.

6) Prefeitura Municipal de Ilhéus – Acordo de Cooperação Técnica com data de publicação 11/02/2019 e duração de 5 anos, tem como objeto desenvolvimento e execução de programas e projetos e o intercâmbio em assuntos educacionais, científicos, tecnológicos e de pesquisa e o estabelecimento d e mecanismos para sua realização.

7) Instituto Arapyaú de Educação e Desenvolvimento Sustentável, com data de publicação 26/07/2018 e vigência de 5 anos visando estabelecer a cooperação e intercâmbio institucional, técnica educacional, científica, cultural e de pesquisa entre as instituições supracitadas, com vistas ao desenvolvimento e a execução conjunta de programas, atividades e projetos e o intercâmbio em assuntos educacionais, culturais, científicos e tecnológicos e de pesquisa.

8) Associação Regional de Agroecologia dos Povos da Cabruca e da Mata Atlântica - Teia dos Povos – Acordo de Cooperação Técnica, com data de publicação 08/02/2018 e vigência de 5 anos, para o desenvolvimento e execução de programas e projetos e o intercâmbio em assuntos educacionais, científicos, tecnológicos e de pesquisa e o estabelecimento de mecanismos para sua realização.

9) Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) – Acordo de Cooperação Técnica, com data de publicação 04/06/2018 e com vigência de 5 anos, foi inicialmente estabelecido para concessão de estágio obrigatório a estudantes de cursos de educação superior em unidades da ICMBio, no âmbito da coordenação regional da 7° Região. Um termo de reciprocidade assinado entre as partes prevê ainda o desenvolvimento conjunto de programas, pesquisas de projetos em áreas temáticas de atuação do ICMBio.

10) Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA) - Parque Estadual da Serra do Conduru (PESC) - Acordo de Cooperação Técnica publicada em 15/03/2017 e vigência de 5 anos, tendo com objeto o desenvolvimento de ações destinadas ao Ensino, Pesquisa e Extensão no Parque Estadual da Serra do Conduru, com intuito de potencializar ações de manejo da Unidade de Conservação para o alcance dos objetivos previstos no SNUC e para o fortalecimento da gestão de UC’s no Sul da Bahia.

Fim do conteúdo da página